Ipatinga se prepara para crescer de novo

Ipatinga se prepara para crescer de novo

 Ipatinga se prepara para crescer de novo

“Ipatinga chega ao final de 2013, apesar das dificuldades encontradas no início do ano e do drama atual das famílias atingidas pelas chuvas, com motivos para comemorar, pois o município apresenta um quadro totalmente diferente de anos anteriores.” A avaliação é da prefeita Cecília Ferramenta, que reuniu a imprensa regional na tarde desta segunda-feira (30/12) para fazer um balanço de seu primeiro ano de governo.

A prefeita listou uma série de iniciativas e projetos que “deram certo”, mesmo diante da situação de desorganização da máquina administrativa deixada pelo governo anterior. “As próprias respostas que conseguimos dar para as famílias atingidas pelas fortes chuvas que caem na cidade refletem um novo momento, de muito trabalho, empenho e respostas em favor da população”, analisa Cecília Ferramenta, fazendo questão de agradecer o apoio dos vereadores da base aliada e dos servidores municipais.

“A Prefeitura voltou a funcionar de forma planejada e organizada, e os serviços públicos foram retomados. As creches e entidades conveniadas com o município terminam o ano com os repasses em dia, além de receberem as dívidas deixadas pelo governo anterior”, complementa a prefeita.

Conforme levantamentos da Prefeitura, foram contratados este ano 1.170 novos servidores aprovados em concurso público e processos seletivos, sendo a grande maioria para recompor os quadros de Saúde, Educação e Assistência Social. “Herdamos uma dívida de R$ 30 milhões do governo anterior com os servidores municipais e já conseguimos para cerca de R$ 28,5 milhões em apenas um ano. Com isso, valorizamos os nossos funcionários e promovemos a qualidade do serviço público prestado à população”, acrescenta Cecília Ferramenta.

Ainda de acordo com a prefeita, Ipatinga voltou a estabelecer convênios com os governos federal e estadual para realizar investimentos em diversas áreas, como as construções da Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24 Horas) do bairro Canaã, de novas creches municipais e do Bloco E do Hospital Municipal, cujas obras começam na próxima segunda-feira (06/01). “A cidade voltou a ter condições de receber investimentos e, inclusive, já temos vários projetos encaminhados junto ao governo federal”, enumera Cecília Ferramenta, citando que o município será contemplado com um Centro de Iniciação ao Esporte (CIE) e já investiu mais de R$ 180 milhões somente na área de Saúde, o que representa 26% da receita anual, superando o índice de 15% estabelecido pela Constituição Federal.

Outros avanços, segunda a prefeita, se relacionam com o retorno da gestão participativa da Prefeitura. “A participação popular voltou a ser uma realidade, com a retomada do Congresso Municipal de Prioridades Orçamentárias (Compor) e a reestruturação dos conselhos. O Plano Diretor foi amplamente discutido com a sociedade e entregue à Câmara Municipal para apreciação”, relacionou.

[RodUn]